Música

Wood’s Bar voltou

Pois é, para alegria de muitos e reclamação dos mal amados, o Wood’s Bar voltou. A casa, famosa por agitar as noites do Bacacheri e não deixar ninguém dormir, encontrou um novo lugar no Seminário, em Curitiba. Fui à inauguração, na quarta-feira, dia 03 de outubro, e posso dizer com propriedade: mudou para muito melhor.

Nem mesmo a desorganização da fila para entrada, com muito barraco, confusão e gritaria por parte do pessoal que não tem o privilégio de ser considerado VIP, tirou o brilho de uma das baladas sertanejas mais amadas do Brasil.

Diante do silêncio em torno dos planos para casa, após o fechamento definitivo no Bacacheri, a empolgação em torno da reabertura era evidente. Às 20h30 teve início a fila na porta do Wood´s, que abriria apenas próximo às 23h. Muitos não entraram, mas certamente tiveram a oportunidade de conhecer o lindo estabelecimento na sexta ou sábado, dias que a casa também abre.

Logo na entrada dois lustres maravilhosos recepcionam os baladeiros de plantão. E tudo ficou maior. Graças a Deus, quer dizer, graças ao projeto muito bem desenvolvido. Deixando para trás a entrada, ao cruzar a porta para a pista você tem a sensação de estar entrando na mesma casa que fechou em 2011. Mas a impressão passa assim que você cruza a frente do palco, bem maior. Diferente de uma certa casa sertaneja joinvilense onde o palco é apertadíssimo. A acústica continua fantástica, as pessoas bonitas voltaram, e quando Eddy e Gil pisaram no palco eu quase chorei.

Mas o PONTO ALTO do novo Wood’s Bar é, definitivamente, o banheiro. Não pude deixar de me impressionar com o esmero empenhado no projeto do lugar onde a maior parte das meninas passa a noite. Se antes as meninas com dores nos pés se espalhavam pelo chão melecado em busca de um descanso, agora elas têm sofás e pufes para se jogar, se antes era preciso se digladiar entre duas pias e um espelho onde só podiam se arrumar três meninas por vez, agora são diversas cubas para lavar as mãos, inúmeros espelhos e uma bancada exclusiva para fazer maquiagem, e finalmente, o número de cabininhas condiz com a capacidade da casa e as mais apuradas não irão mais precisar ficar se segurando em uma fila que parece não ter fim para poder se aliviar. Cada pequeno detalhe foi muito bem pensado.

As noites de quarta voltaram. Pena eu morar tão longe. Curitiba já não era a mesma sem o Wood’s, que entre tanto amor e ódio – por parte dos que odeiam sertanejo – pode ser considerado um dos pontos turísticos obrigatórios da cidade. Seja bem vindo de volta, querido Wood’s e que agora seja eterno enquanto dure.

Anúncios

2 comentários em “Wood’s Bar voltou

Leiloe a sua ideia :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s